Fecha: 28 de dic. 2004
Sección: Objetos celtibéricos
Información publicada por: bracarense
Mostrado 6.865 veces.


Guerreiro Lusitano

Estátua sepulcral de guerreiro lusitano, da época proto-histórica. Grosseira escultura de granito encontrada por Martins Sarmento, em 1884, no adro da igreja da freguesia de S. Jorge de Vizela. Falta-lhe a cabeça e parte das pernas, medindo actualmente 1,70 de altura. Antes de sofrer a mutilação deveria atingir a altura de 2,40. Este notável exemplar da estatuária primitiva hispânica, cuja indumentária e armamento (torques ou xorcas, viriae, no pescoço; armilas, nos braços: cinturão com punhal, ou espada curta; saio, apertado com um cinto escudo redondo, caetra, de cerca de 50 cm. de diâmetro), coincidem com as descrições que nos dão os textos clássicos greco-romanos (nomeadamente Estrabão, Geogr., III, III, 6), pertence a uma série de 15 estátuas de mesmo tipo, mais ou menos mutiladas, e, até hoje, só aparecidas na parte ocidental da Península, na região entre o Douro e o Minho, facto que parece revelar-nos um culto de restrita área de expansão. O Museu Etoológico de Lisboa possui oito destas estátuas, mais ou menos completas, e fragmentos de outras, sendo quatro provenientes do castro de Lesenho (Montalegre), uma da freguesia de Capeludos e três do castro de Cendufe: o Museu de Viana possui uma, proveniente de S.Paio de Meixedo, a qual esteve no Museu Municipal do Porto; na vila de Cabeceiras de Basto existe outra, denominada «O Basto», à entrada da ponte; o Museu de Etnografia e História, do Porto, tem uma procedente das ruínas castrejas de Monte Mósinho (Penafiel); o Museu de Guimarães possui este exemplar e ainda outro (n.º 93), proveniente de Santo Ovídio (Fafe); finalmente há menção bibliográfica de mais três, que se consideram hoje extraviadas ou destruídas, sendo uma procedente dc S.Martinho de Britelo e duas de território galego (Celanova e Barrio).

© www.csarmento.uminho.pt

Artículos relacionados


Poblamientos relacionados

    No hay poblamientos relacionados.


Imágenes relacionadas (Beta)

Volver arriba