Autor:
sábado, 14 de octubre de 2006
Sección: Opinión
Información publicada por: Balsense
Mostrado 26.254 veces.


Ir a los comentarios

-

-


No hay imágenes relacionadas.

Comentarios

Tijera Pulsa este icono si opinas que la información está fuera de lugar, no tiene rigor o es de nulo interés.
Tu único clic no la borarrá, pero contribuirá a que la sabiduría del grupo pueda funcionar correctamente.


  1. #1 Lusitanoi 29 de sep. 2006

    OK, vamos al suelo como dice kaerkes: A letra do hino é: Heróis do mar, nobre povo, Nação valente e imortal Levantai hoje de novo O esplendor de Portugal! Entre as brumas da memória, Ó Pátria, sente-se a voz Dos teus egrégios avós Que há-de guiar-te à vitória! Às armas, às armas! Sobre a terra, sobre o mar, Às armas, às armas! Pela Pátria lutar Contra os canhões marchar, marchar! .... Por canhões entenda-se "espanhois", ehehehehh Em primeiro lugar nao estou zangado, registe-se. Apenas respondi com um pouco de ironia como já me é proprio aqui neste forum, mas isso é uma caracteristica minha nao dos portugueses em geral, penso. Em resposta a Kaerkes: Conheço razoavelmente espanha e tenho ate um episodio de a cerca de 15 anos em Almuñecar, cerca de granada, procurava uma farmacia (pharmacia) e uma senhora que passeava em la calle me repetia que no me entendia, como se farmacia tivesse uma sonorização muito diferente de "pharmacia" so porque olhou para a matricula do carro, ja nao me entendia e quase todos os portugueses têm episodios ilustrativos do que pensam os espanhois de nosotros. Para Reuve: A espressão "Como são loucos estes espanhois" pelo menos deste lado da fronteira nao é tao perjurativa como possas pensar, alias apesar de ironica é até um pouco carinhosa, utilizamo-la para com os brasileiros e até que gostamos deles, pelo menos quando a referi nao foi num sentido perjurativo, foi mais no sentido de o assunto deste forum ser em minha opinião muito virtual e de realização quase impossivel, daí o "loucos", está esclarecido? Para Kullervo Tenho obviamente que pedir as minhas desculpas por ter citado recorrentemente os teus comentários, mas compreende que foi apenas no sentido de ilustrar aquilo que alguns espanhois pensam e que nos nao concordamos, haveria muitas outras observaçoes de outras pessoas, mas escolhi a tua porque ilustrava melhor aquilo com que eu nao concordo, nada de questoes pessoais ou coisas parecidas. Agora quanto as razoes porque nao concordo é o seguinte: devo esclarecer que conheço razoavelmente espanha, ja visitei de vacaciones toda a costa norte desde a galiza ao pais basco, toda a costa sul, ja estive por diversas vezes em madrid, segovia, granada, sevilha, barcelona, donostia, so nao conheço santander, teruel, cuenca e muito poucas cidades interiores de espanha, gosto de muitas coisas do vosso pais, mas prefiro ir a espanha como estrangeiro, ehehehheheh. Neste sentido, nao vejo onde possa estar o choque cultural, desde sempre os portugueses souberam de muitos dos habitos dos espanhois, ao contrario sempre houve e ha ainda um perfeito desconhecimento de portugal para vosotros, talvez nesse aspecto seja um choque maior para os espanhois ao observarem os habitos dos portugueses do que o contrario, neste momento penso que nao ha portugues nenhum que nao tenha ido a espanha por diversas vezes, no entanto existem ainda muitos espanhoies que ou nunca ca vieram ou vieram numas vacaciones muito rapidas que quase nao conheceram os habitos do país. Para mim por exemplo os horarios das refeiçoes nao me causam qualquer perplexidade, ja o mesmo nao posso dizer da pouco diversidade da gastronomia espanhola que alem de pouco diversa é na maioria das vezes imensamente pobre (opiniao generalizada dos portugueses e também dos franceses pelo que sei) e isso sim causa-me nao um choque cultural, mas um choque estomacal , ehehehheheh Quanto a certas opinioes que por vezes se vêm aqui em portugal acerca dos espanhois, tenho que dar te razao, é verdade que por vezes se exagera um pouco e se ridicularizam demais os espanhois, mas tudo tem uma razao de ser nao é verdade? e a historia justifica muitos dos mitos e habitos ainda existentes, mas nos ultimos anos esse odio de estimação por tudo o que e espanhol tem se esbatido um pouco graças á UE. Mas sejamos coerentes, o que pensam e dizem os espanhois dos franceses?.... pois.... Quanto a superioridade, acredito que nao a sintas tu proprio mas tens de admitir que se leres com atenção e isençao a maioria dos comentarios deste forum facilmente chegas a conclusao que os espanhois se sentem superiores e também é verdade que sob muitos aspectos o são, é um facto incontornavel, sao mais, mais ricos, mais poderosos, maiores, por isso é ate natural que surja algum sentimento de superioridade, a unica coisa que eu discordo é que muitas vezes se construam imagens de portugal que neste momento ja nao existem mas sim, existiram ha 30 ou 40 anos atrás e isso eu ja nao posso concordar. O vosso problema é que quando querem ir a europa nao sao obrigados a atravessar portugal tal como nos temos de fazer para sair daqui, (ainda nestas vacaciones fui para frança e tal como sempre tive que atravessar aquela campina deserta desde fuentes de oñoro ate ao pais basco) talvez ai ja nos conhecessem melhor, nao? Quanto a Hawwahante Continuo na opiniao que pouco mudaria, repara: dizes que: La geografía del pais vecino, y el hecho de que vivamos de espaldas los unos a los otros, han configurado un pais muy volcado al mar con grandes problemas de comunicacion. Por acaso desconheces a rede de autoestradas actuais? nao vejo esses grandes problemas de comunicaçao? vai-se de auto-estrada desde Vigo até Ayamonte passando por Lisboa, de Lisboa a Badajoz-madrid, de Lisboa/porto a Fuentes de oñoro-salamanca-irun-paris, etc.... Ciudades como Badajoz, Salamanca, Huelva, Braganza o Beja, crearian polos de riqueza en torno a sí, rompiendo con el retraso secular comparativo de esas ciudades respecto a otras mejor situadas. Por acaso podem-me dizer qual a razao porque Badajoz é hoje uma cidade tao importante? Badajoz é um polo de uma regiao metade portuguesa, metade espanhola ou nao sera? eu proprio desloco me de Lisboa a Badajoz para comprar charutos (puros), sao muito mais baratos, todos os exemplos que mencionas existem ja com o desaparecimento das fronteiras e note-se que nestas regioes nao ha problemas de entendimento mesmo que os interlocutores nao falem a mesma lingua. Lisboa enriquecería el sistema de ciudades medianas de España, Sevilla jugaría un importante papel en el Algarve y a ambos lados del Miño surgirían nuevas oportunidades. Tudo isto ja existe com a Uniao Europeia e o desaparecimento das fronteiras e com a moeda unica, nao vejo o que modificaria com a uniao a espanha. Si a ello le añadimos la unificacion del mercado y una generacion bilingüe con una coiné de 600 millones de hablante, es de ver que la union sería beneficiosa. este mercado ja existe, basta olhar a nossa volta, sao aos montes as empresas espanholas, sao aos montes os espanhois que andam por ca a tratar de negocios... Bem amigos a terminar quero que fique registado que nao estou zangado, mas ha coisas que obviamente merecem respostas, nao? Um abraço a todos sem rancor... Talvez os nossos trinetos se entendam...

  2. Hay 1 comentarios.
    1

Si te registras como usuario, podrás añadir comentarios a este artículo.

Volver arriba